Movimento Ecos promove mais que educação ambiental

O Movimento Ecos vivencia a diversidade cultural, social e econômica nas escolas públicas por onde efetiva seus projetos de educação ambiental. Escolas com dificuldades, mas aguerridas em proporcionar a seus alunos a conscientização ambiental na promoção e preservação do meio.

A política de educação ambiental foi uma grande conquista para o povo brasileiro, que vive dos recursos minerais e das riquezas naturais tão explorados em nome do consumo e do desenvolvimento.

As diretrizes do Projeto Ecos são desenvolvidas e movimentam as instituições, despertando o interesse dos alunos, o que contribui para consolidar as parcerias e o despertar da consciência ambiental na comunidade. As escolas estão empenhadas em reduzir o consumo de água e energia, promovendo atividades com esta finalidade.

A educação ambiental nas escolas é fundamental para conscientizar os jovens de que os recursos naturais são finitos e que a conservação é o caminho a ser seguido. Precisamos desacelerar a extração e utilização (consumo) para manter a biodiversidade e conservar a vida de humanos e não humanos.

Percebemos esse comprometimento na Escola Estadual Lar dos Meninos, que atende em tempo integral aproximadamente 450 alunos carentes da comunidade, proporcionando alimentação, esporte, cursos profissionalizantes e moradia. Trabalho árduo desenvolvido por pessoas preocupadas com o futuro dos jovens e do país. A frente dessa instituição está o Professor Aristeu Veloso Brandão, profissional dinâmico e comprometido, que aliado a Professora Guilhermina de Oliveira Souza prontamente aceitaram o desafio, dedicando seus esforços para a construção do projeto ambiental.

A Escola Estadual Engenheiro Francisco Bicalho conta com o Professor José Américo Barbosa Marques na direção, que trabalha em prol de uma escola aberta à comunidade e livre da violência, sempre engajado nas causas sociais e no desenvolvimento de um excelente trabalho junto aos educadores e educandos. A frente do Projeto Eecos, temos o Professor Emanuel Vitor Junior, líder nato, pessoa vibrante e alegre que desenvolve um trabalho de grande relevância, sempre preocupado em integrar os demais colegas para construção de um trabalho efetivo e interdisciplinar.

A Escola Estadual Alberto Delpino conta com a direção da Professora Sônia de Jesus Pereira Santos, profissional de brilhantismo ímpar, competente e engajada, que abraçou o projeto Ecos, hoje efetivado e supervisionado pela Professora Ediane Pereira de Lima, que em sua alegria e jovialidade, contagia os alunos e desenvolve as ações com dedicação e empenho.

Na Escola Estadual Doutor Aurino Morais temos a Diretora Denise de Freitas e Silva Avelino, profissional dinâmica e capaz, que está sempre disponível. Ela faz um trabalho singular com o apoio da Professora Selma Carvalho Cardoso e do Professor Heitor que tem o dom de motivar e envolver os alunos, sempre dispostos a proporcionar uma educação de qualidade e rica em experiências que contribuam com o aprendizado profícuo.

As escolas estão comprometidas em proporcionar uma educação de qualidade, mas também em formar cidadãos conscientes de que o planeta Terra é nossa casa e precisamos cuidar dela.